Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sweet Nothing

Sweet Nothing

Dom | 01.08.10

Don't stop dreaming - Capítulo #5

Não tenho tido muitos comentários no último capitulo

Não gostaram? 

Quando nao gostarem digam , pff!

 

Capítulo #5

 

[Ed a narrar]

 

Meti-me no carro, a minha ideia não era essa! Eu queria ficar com ela, ela não estava bem, os olhos dela mostravam-no. Resolvi ir para casa, mudei de roupa, comi uma maçã e fui buscar a guitarra. Queria estar mais perto dela se ela me ligasse a meio da noite ou mesmo de manhã, não queria demorar muito, quando ela me chamasse. Os meus pais não estavam em casa, tinham ido de férias, eu e o James estavamos sozinhos. O james ainda não tinha chegado a casa, peguei na guitarra e como tinha começado a chover de novo, resolvi esperar mais um tempo, então as palavras começaram a sair, a melodia a muito que já estava feita, mas só naquele momento, é que as palavras sairam e então tudo fez sentido. Comecei a cantar e saiu isto:

 

Life is getting harder day by day
And I don't know what to do, what to say
And my mind is growing weak every step I take
It's uncontrollable. Now they think I'm fake, yeah

Coz you not alone, no, no, no
you not alone, no, no, no
you not alone,

And I, I get on the train on my own
And my tired radio keeps playing tired songs
And I know that there's not long to go
Oh, and all I wanna do I just go home

[chorus]

People rip me for the clothes I wear
Every day just seems to be the same
They just swear
They just don't care [x3]

[chorus]

Na na na na's

Coz you not alone, no, no, no
La la la la, yeah, yeah. you not alone,

 

[A música é dos Mcfly, ouvi-a e acho que ficava perfeita na fic, fiz apenas uma alteração, no refrão quando diz you na
realizade nâo é you mas sim I'm, mas como foi o "Ed" que escreveu , o you referia-se à Anne]

 

Dei uma vista de olhos ao relógio, resolvi naquele momento voltar opara casa de Anne. Arrumei a guitarra no saco dela e pu-la as costas. A distância para mim não era longa, eram quase 500m , mas eu não me importava, fiz o caminho todo com a pergunta na cabeça : "Quem é o Richard?"

 

 

13 comentários

Comentar post

Pág. 1/2